APE: Acompanhamento de Planos de Emergência

Período: 
2010 - 2011
Equipe: 
Marcos Roberto da Silva Borges André Felipe Engelbrecht
Instituição de Financiamento: 
Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesq. do Estado do Rio de Janeiro - Auxílio financeiro.
Descrição: 

Em situações de emergência, a equipe do centro de comando e controle é responsável pelaarticulação das equipes de operação, que atuam no ambiente de forma distribuída, emresposta a uma emergência em curso. Esta articulação envolve avaliação do cenário atual econstrução da estratégia de combate à emergência, em um processo cíclico de análise edecisão: as ações acarretadas por estas decisões afetam o ambiente observado, ocasionando necessidade de nova análise do ambiente e reiniciando o ciclo de decisão. Some-se a isso o fato de um ambiente de emergência ser altamente dinâmico, com agentes que independem da ação humana (como, por exemplo, o fogo que se alastra), que torna a situação ainda mais passível de mudança. Tendo em vista a alta volatilidade do ambiente, é necessário que a central de comando e controle acompanhe de perto a execução do plano traçado, para verificar se há necessidade de ajuste, e realizá-lo tão rapidamente quanto possível. No entanto, esta não é uma tarefa fácil, pois as equipes estão à distância do centro de comando e controle e a comunicação, em grande parte, é realizada por rádio. Existe uma necessidade real de prover informações melhores, mais detalhadas e de forma oportuna para a equipe de comando e controle, de forma que as pessoas envolvidas no planejamento e articulação das equipes de operação possam tomar as melhores decisões.A miniaturização e a disseminação de dispositivos móveis e redes sem fio e quadros e mesas interativos viabiliza a inserção da computação nestes ambientes, o que por sua vez, introduz novas oportunidades para transferência e manipulação de informações. Este projeto se propõe a investigar modelos e tecnologias de apoio a equipes de comando e controle de situações de emergência, através da transferência de informação vinda das operações de campo de forma proativa, contextualizada e oportuna.O objetivo do projeto é investigar o processo de decisão estratégica, visando uma melhoria na gestão da emergência e.

Coordenador(es): 
Adriana Santarosa Vivacqua